Administração

Energia solar no campo: veja os benefícios e como ter crédito para implantar na fazenda

A energia solar pode ser de grande utilidade para sua fazenda: é sustentável, gera economia dos custos de produção e pode trazer uma renda a mais para você

A introdução da energia solar no campo é uma das principais inovações do setor agrícola brasileiro e a cada ano é maior a adesão por este tipo de energia.

De acordo com a Absolar (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), a capacidade instalada de geração distribuída no campo cresceu 1,3 mil vezes nos últimos 5 anos.

O salto foi de 0,58 MW em junho de 2016 para 791,32 MW em junho de 2021. 

E a tendência é de crescimento. Já que a energia solar é uma boa alternativa para driblar o aumento de custos de energia elétrica no país, resultado da crise hídrica.

Assim, atento à esta demanda, o Governo Federal destinou no Plano Safra 2021/2022 cerca de R$ 5,05 bilhões para projetos de inovação e sustentabilidade, o que inclui a energia solar.

Conheça, neste artigo, os benefícios que a energia solar traz para sua fazenda. E, também, como acessar as linhas de crédito para financiar a implantação do sistema.  

O que é a energia solar?

A energia solar é gerada a partir da luz e do calor do Sol, e o primeiro registro sobre o assunto é de 1839, feito pelo francês Alexandre Edmond Becquerel, que descobriu o efeito fotovoltaico.

Contudo, a primeira célula fotovoltaica viria somente em 1883, com Carles Frits.

Considerada uma fonte de energia alternativa, a energia solar é renovável, limpa e sustentável. 

Além disso, a energia solar pode ser aproveitada de duas formas: energia solar térmica e energia solar fotovoltaica

Energia solar térmica

Na energia solar térmica (chamada de termo solar ou fototérmica) ou seja, a energia do Sol na forma de calor, é utilizada para aquecer outro meio.

Isso é feito através de placas solares ou tubos a vácuo que realizam a captação e transferem o calor para um meio líquido, como a água.

Energia solar térmica instalada em área residencial
  Energia solar térmica instalada em área residencial (Fonte: Minha Casa Solar)

Energia solar fotovoltaica

Mais conhecida do público em geral, é também a mais utilizada. Por meio de módulos solares, ela transforma o calor e a luz solar em energia elétrica.

Assim, quanto maior for a incidência da radiação solar nas placas solares, maior será a quantidade de energia elétrica gerada.

Energia solar – vista parcial de parque solar fotovoltaico no norte da Bahia
Vista parcial de parque solar fotovoltaico no norte da Bahia (Agrovale/Divulgação)

Desse modo, no campo ou na cidade, a energia solar apresenta diversos benefícios, como redução dos gastos com energia. E, caso esteja interligada ao sistema nacional, ainda pode trazer uma renda extra com a venda do excedente gerado.

Benefícios da energia solar no campo

Imagine você não se preocupar mais com energia em sua fazenda, ser totalmente autônomo e ainda lucrar com a energia gerada pelo Sol.

Você se beneficia não apenas se sua energia solar for conectada à rede elétrica (on-grid), como também se não for (off-grid).

Só o fato de ter um sistema de geração de energia limpo, renovável e sustentável já é algo de grande valor para melhorar o sistema produtivo da sua fazenda e proporcionar a você e sua família maior qualidade de vida.

Sistema de irrigação

A principal vantagem da energia solar no campo é na geração de energia para bombeamento do sistema de irrigação.

O benefício disto, por sua vez, é que, com a irrigação há maiores chances de aumento na produção da sua lavoura. Além disso, os riscos relacionados à falta de chuvas também diminuem. 

Autonomia de energia

Pequenas e grandes áreas podem se beneficiar da geração da própria energia. Uma vez que, isso traz autonomia e, assim, não é preciso depender da empresa operadora para ter energia elétrica em sua propriedade.

Com isso, você não precisa se preocupar com eventuais quedas da rede elétrica, já que as baterias armazenam a energia gerada a partir do Sol.

Custo para implantação

Implantar um sistema de energia solar na propriedade rural exige um custo inicial elevado. E isso poderia ser considerado uma desvantagem do sistema.

Mas, o baixo custo de manutenção e os ganhos que se tem em curto e médio prazo (2 a 5 anos) são grandes.

Geralmente, um sistema de energia solar com 5 placas de 450W para atender demanda de energia entre 250 a 350 kWh/mês fica por entre R$ 10 mil e R$ 15 mil. 

Contudo, a redução de custo que se tem com geração de energia (se você usa a rede elétrica) e os ganhos com aumento da produção agrícola, a partir da irrigação, por exemplo, compensam o investimento.

Além disso, o investimento inicial pode ser financiado. Veja como.

Crédito para energia solar no campo 

No Plano Safra 2021/2022, o Governo Federal deu prioridade a projetos voltados para tecnologia, inovação e sustentabilidade.

Assim, o acesso às linhas de crédito se dá por meio do Programa ABC (Agricultura de Baixo Carbono), que é a linha de crédito do Plano ABC.

Investimentos do Plano ABC, com linhas de crédito para viabilizar a energia solar no campo
Investimentos do Plano ABC (Fonte: Mapa)

Desse modo, pelo Programa ABC, você tem acesso ao Proirriga (para projetos de irrigação) e Inovagro (inovação e tecnologia), o que inclui a energia solar.

O Programa ABC, no Plano Safra deste ano, teve aumento de recursos de 101% em relação ao ano passado.

São R$ 5,05 bilhões de recursos, com taxas de juros que variam entre 5,5% e 7% ao ano, com carência de 8 anos e prazo máximo de 12 anos para quitar a dívida.

Pronaf Eco

Já para os pequenos produtores com DAP (Declaração de Aptidão ao Pronaf) válida, o acesso de crédito para energia solar ocorre por meio do Pronaf Eco.

O programa irá conceder até R$ 165 mil por ano agrícola, com carência de 5 anos e prazo de até 10 anos para quitar a dívida. A taxa de juros é de 3% ao ano.

Conclusão

Você viu neste artigo que a energia solar é muito importante, tanto do ponto de vista econômico quanto ambiental. 

Além de reduzir custos da fazenda, ela ainda pode proporcionar uma renda extra com a venda do excedente de energia para o sistema nacional.

Além disso, as linhas de crédito também são bem atrativas.

Então, se você ainda não tem energia solar em sua fazenda, busque informações junto a empresas que prestam esse serviço e aos bancos para se beneficiar dessa tecnologia.  

Mostrar mais

Mário Bittencourt

Jornalista e pós-graduado em Agricultura de Precisão.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo